Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro 28, 2014

Um mal que nem parece

Quando me mexe demasiado coço, e só quando coço demasiado é que me dói. Doer é bom. Doer é uma sensação, um pequeno passo até à realização da própria existência. Pouco me importo com a sensação de disco riscado, dói-me, mas digo, digo... digo o que me apetece dizer. E apetece-me sempre falar sobre isto; estou obcecado! Um dos grandes equívocos da primeira metade deste século, um dia há-de ser reconhecido como: FACEBOOK. Sintético quanto baste, expansão fria de grande monotonia e vulgaridade, priva as pessoas de contactarem directamente com a realidade das outras, e vice-versa, habituando-as a uma falsa impressão do que é ser-se uma pessoa a sério. Tal é a sua expansão de polvo, que quem não está, deixa de existir, como que por magia milagrosa. Se pensarmos profundamente nisto, veremos que nos conduz a certas e determinadas práticas, que um dia, nos hão-de envergonhar a todos. "Postar", "Likar" e "Tagar" como alguns infinitivos anglo-saxónicos, enchem de …