Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Maio 26, 2013

Contos...

Aqui vos deixo três excertos de 3 contos diferentes que, muito em breve, estarão reunidos num livro novo. É para ler meus caros, para ler e comentar depois sim?


(...) Nunca dormia intacto, remexia-lhe a esperança de que qualquer coisa fértil tivesse ficado lá dentro dela, a germinar-lhes um futuro melhor. Observava-a de perto, enquanto ela dormia. O cheiro dizia-lhe que sim, porém, o tacto da intuição desanimava-o.
Nem os ratazanas se aproximavam para lhes pressentir um fim, a modos que Plínio nunca sabia em que ponto estava do caminho para o seu juízo final. A única certeza de que dispunha era a do amor que ela lhe tinha.
Na noite seguinte, Plínio, ao revirar o contentor do lixo, duvidou que aquela tivesse sido a sua última palavra. Pensava que quando uma mulher diz que não fica à espera que insistam antes de tomar a decisão final. E só Deus sabe, quantas decisões finais já lhe haviam sido enganadas. Desde que perdeu tudo, Plínio só viu um caminho: A descendência. Era como se o tempo b…